Teo Guerreiros Sem Armas 2011


Novos.caminhos.relacoes.hubs.e.conexoes
novembro 18, 2010, 2:32 pm
Filed under: Uncategorized

Bom… a Val talvez nem saiba que estou escrevendo aqui, porque afinal ja passaram as tarefas do Caminho do Guerreiro, mas nesse momento atual senti uma necessidade que nao pude evitar de trazer para ca.

Nas ultimas tres semanas diversos encontros proporcionaram novas conexoes que eu pude protagonizar e contemplar com novos e antigos parceiros e amigos! De la pra ca, tudo que eu comecava a enxergar no horizonte [ o Empreendedorismo Social, minha intencao de vida profissional, e minhas inteligencias e no que emprega-las, onde deposita-las] passo a passo as imagens foram clareando e se cristalizando em um grande e unico Projeto, Caminho, Jogo, Sentido de Vida.

Ha 20 dias atras – 30|out

Segundo Encontro da Iniciativa Hub Rio [Parque Lage]
Com o convite Esta na hora de pensar o impensavel. E fazer o improvavel. a tarde daquele sabado provou em na maior parte de nos presentes, exercicios de imaginacao comecando a entrelacar possiveis conexoes e parcerias, que sao as possiveis metas, frutos do trabalho que se inicia do The Hub aqui no Rio e que de imediato me tornei peca do elenco participante. Augusto e Romina receberao aos convidados e facilitaram atividades que nos fizeram entender melhor qual e a proposta do The Hub a exemplo do Jogo do Desenvolvimento, proposto para treinarmos nossa capacidade de negociar colaborativamente, numa relacao de ganha-ganha-ganha
entre os jogadores! Onde voce ganha no nivel individual de relacao, bem como voce e seu parceiro ganham mutuamente numa negociacao, e por final onde todos em cena [no mundo] ganham com a colaboracao das partece para que o desenvolvimento se faca possivel em qualquer parte do mundo.
http://saopaulo.the-hub.net/public/

Ha 13 dias atras – 05|nov

TEDxAmazonia [Manaus]
Bem o TED amazonico foi algo absolutamente fora de serie, como tambem o e a Escola de GSA. A enriquecedora convivencia, o ambiente convidativo a escuta, e o espaco para ferteis ideias crescerem e florescerem sem duvidas proporcinaram aos participantes dias dignos de serem relatados como um sonho!
As interminaveis inspiracoes e o que as novas redes de contatos e de ideias colaborativas que comeco a usar agora expandem os horizontes a se trabalhar como raras vezes pude ver!
http://www.tedxamazonia.com.br

A ARVORE DO TEDxAMAZONIA[em breve]

Ha 10 dias 8, 9 e 10|nov

Oasis Elos no Canteiro + Cultura [Rocinha]
O Convenio entre o Ministerio da Cultura, aliando a capacidade de articulacao do Governo Federal e no nivel local dos Governos Estaduais a Metodologia Oasis tornou-se uma experiencia saborosamente desafiadora para quem acompanha a expansao do alcance que mais do que a Metodologia, mas a Filosofia Oasis ganhou e vem ganhando nos ultimos anos. Estar em dialogo direto e constante com setore do Poder Publico, convidando-os a vivenciar um Oasis junto com os moradores das comunidades, como perceber o quao desgastadas sao algumas relacoes entre governados e governantes. E acredito que revitalizar essa relacao sera uma das grandes conquistas de todas essas parcerias.
Em si uma verdadeira cidade, a Rocinha se apresenta como um ambiente destoante das demais comunidades perifericas brasileiras, cortejada por diferentes tipos de projetos, procurada por turistas, comentada por todo o mundo, um local por certo de abundancia exuberante em arte, cultura e oportunidades, tanto que somente com a ajuda dos Guerreiros Semeadores da Metodologia [em formacao nesse momento em Florianopolis- a segunda etapa desse Oasis] somente com tais farois conseguiremos mapear e buscar comunicar amplamente o convite coletivo de empoderamente comunitario que viemos trazer.
As palavras lidas hoje pela manha no Facebook do meu amigo Farine fazem com que eu me desprenda de qualquer expectativa para a volta dos 4 representantes do Rio que foram para la, certo de que tentar prever ja seria errar, esperarei para voar com eles e com o que eles nos trouxerem para sonhar…
As palavras do Paulinho “Lideranças da Rocinha (RJ), Nazaré III (SP), Vl N. Sra da Luz (Curitiba), Vila Gilda (Santos) e Monte Serrat (Floripa) acabam de participar de um café comunitário fantástico sobre os espaços Mais Cultura a serem implementados nesses bairros!”
http://www.elosmaiscultura.com.br

Ha 5 dias atras | 13 e 14/nov

REUNES [Sao Jose dos Campos]
Parte desse periodo de profunda divagacao e construcao de novas percepcoes e caminhos concretos a Reuniao Universitaria de Empreendedorismo Social e Responsabilidade Socio-Empresarial de 2010 me fez entrar em contato direto com maneiras de colocar meus sonhos em pratica na forma de empreendimentos que os facam viaveis. Convidado a ser Embaixador do REUNES no Rio esse foi para mim um evento e um momento especial para firmar meus pes com toda forca em bases firmes para permitir que ainda mais alto a cabeca voe. Excelentes exemplos praticos de como muitas vezes contra todas expectativas, boas ideias prevalesceram em cenarios de baixa inovacao e capacidade de criar coletiva e colaborativamente.
Agora em conjunto com participantes e palestrantes estou comprometido a trazer para o Rio oportunidades de disseminacao de ideias empreendedoras, negocios sociais e boas praticas no geral cada vez mais. Ja pra temporada de ferias no verao temos otimas ideias para reunir grupos de jovens empreendedores, a fim de conectar cooperativamente movimentos, projetos e acoes que integradas poderao gerar ainda mais impactos positivos!
http://reunes.com.br/

ARVORE DO REUNES[em breve]

Ha 3 dias atras | 15/nov

Entre tantas pessoas queridas e inspiradoras um grupo de 4 sonhadores decide ir ver o dia amanhecer a beira da praia, e desce para Ubatuba, contando de historias da vida, divagacoes imaginativas, multiplas vivencias, devaneis criativos e calor humano sincero. As queridas Isadora[ITA/REUNES] e Aline [Guerreira 2011] junto com nosso novo-velho amigo Renan nos lancamos no destino de um dia maravilhoso que foi aquele ultimo para fechar o feriado. Passamos o resto do dia imersos num Oasis em nos mesmos, rs! No finalzinho do dia eles me levaram ate em casa em Paraty, e voltaram para as suas correndo para rotina de logo logo no dia seguinte.

Em meio a tudo isso, surge o Oasis Kawahiva [ http://salvekawahiva.com.br/ ], com a nada ousada missao de salvar a Tribo Kawahiva do seu genocidio, o nao menos empolgante convite para a proxima reuniao do grupo que inicia as preparacoes para o TEDxCidadeDeDeus [dos mesmos organizadores do TEDxSudeste http://www.tedxsudeste.com.br/2010/ ] ,o primeiro do Brasil e segundo do mundo a ser realizado numa comunidade de periferia. Hoje em contato tambem com alguns membros da organizacao do TEDxSaoPaulo [os mesmo do TEDxAmazonia], desejo participar do processo de criacao desse TEDx para entender como se pode organizar um se tudo correr bem ja no ano que vem, planos futuros por enquanto saindo da cabeca pro papel, rs!
Ainda outro projeto altamente motivador que gradativamente venho me inserindo foi Plataforma de Empreendedorismo Jovem, animada e articulada pelo Marcus Colacino do Instituto Inovamente que em janeiro entra no ar, mas ja estende seus bracos hoje para formar a rede que concebera.

Bem, de alguma maneira me senti impelido a escrever isso quae escrevi ainda que outras palavras tambem me cativem para fazer acontecer ja uma serie de acoes e colaboracoes que estao me fazendo crer cada vez mais convictamente de que a minha vontade de participar do Guerreiros 2011 nao vem de um simples desejo, nem de um sonho efemero, sinceramente comprometido com o desenvolvimento por igual da qualidade de vida de todos seres da Terra, com o desenvolvimento de solucoes atraves da criatividade, e fazendo do divertimento forca motriz que impulsionara as pessoas a empreenderem o quanto antes seus projetos de vida e de mundo!

Tendo conhecido e estado em constante contato com Guerreiros de 2007, 2009 e alguns dos ja selecionados pro processo de 2011, alem de representantes do Elos, desde o primeiro momento que tomei conhecimento do que e a Filosofia Oasis estava decidido a ir ate onde essa forca coletiva e esse movimento humano pudesse, quisesse e devesse me levar. Quero extender a esse coletivo do Guerreiros 2011 todo meu potencial de construcao de um novo mundo, de novas relacoes. Espero que ainda tenha espaco para trazer mais algumas contribuicoes para esse Caminho do Guerreiro para que ele me leve ate o grande desafio que sera a experiencia vivida em janeiro!

Ainda que sinta que ha muito a dizer, fico por aqui. Obrigado por toda atencao!
Teo



QUEM.estou?
novembro 9, 2010, 1:57 am
Filed under: Uncategorized

“Últimas horas em Manaus, fim de TEDxAmazônia, 500 pessoas absurdamente apaixonantes, me tornei novamente criança, o Oasis que encanta a todos, e que todos querem saber mais, conexões impressionantes, pessoas maravilhosas, mergulhos no rio amazonas, palestras impagáveis, momentos inesquecíveis… me sinto vivo, tomado pela leveza sublimes de amar todos os seres da Terra, de querer abraçar todos de que agora me despeço, de me entregar sinceramente ao destino que me espera, e viver cada vez mais envolto de surpresas gostosas, de pessoas deliciosas, de amores e amigos de fato, de novidades do mundo que vieram me contar…
É pouco para tudo que vivemos aqui esses dias, o que nos conforta é saber… que é só o começo!”

Hoje é um dia especial, acabo de voltar do TEDxAmazônia e já segui quase que direto para Rocinha, passei em casa rapidamente, e poucodepois estava junto com a Julia e o Rafael, Facilitadores do Oasis Rocinha. Na quadra da Escola de Samba múltiplas vozes distintas, diversas visões de mundo, ora convergindo, ora se opondo, comunidade com vozes ativas.

E claro venho iniciar essa que é a última etapa do Caminho do Guerreiro, da mesma forma como em 2009 um mês antes do Oasis Santa Catarina eu entrei em contato e definitivamente me tornei parte dessa imensa rede que vem sendo criada pelo mundo; da mesma forma que aquele momento foi o ideal para eu decidir que queria sem dúvida fazer parte daquele grupo, hoje também vejo que a menos de dois meses do início do Guerreiros 2011 eu me encontro no melhor momento possível de envolvimento com essa rede do Movimento Oasis, fazendo pontes com á recente chegada ao Rio da semente do The Hub Rio, intensamente envolvido também com o REUNES que virá no final de semana, dias 13 e 14, em São José dos Campos, e venho articulando e divulgando o evento com os universitários aqui do Rio. E ainda estou conectado com os organizadores para participar da promoção do TEDxCidade.De.Deus que acontecerá em Abril próximo.

Enfim, brevemente falando esses são os pensamentosque me rondam a cabeça hoje, nesses dias,recentemente… estou muito feliz de participar dessa etapa do Caminho, obrigado!



15 – Dos rumos por onde o caminho segue…
outubro 18, 2010, 8:06 pm
Filed under: Uncategorized

[ 06 de outubro às 15:29 ]
Teo Petri Branco está pensando em como se tornar
ele mesmo um hub de contatos e colaborações, estabelecendo uma ponte direta entre o TEDxAmazônia e o Rio de Janeiro, e em especial suas comunidades periféricas, mas não só delas como de todas as outras; cada uma com sua específica carência socio ambiental mas com proporcionais e próprios talentos, recursos e soluções ocultas ou desvalorizadas para cada uma dessas coletividades sociais e para toda sociedade de um modo geral e mais amplo.

[ 17 de outubro às 04:05 ]
Teo Petri Branco não consegue esperar por Novembro…

TEDxAMAZÔNIA 6 e 7 http://tedxamazonia.com.br/
OASIS ROCINHA 8, 9 e 10 http://www.elosmaiscultura.com.br/
REUNES 13 e 14 http://reunes.com.br/



14 – O fim de um começo…
outubro 13, 2010, 10:54 pm
Filed under: Uncategorized

Como é impossível sentir o momento atual como um fim, especialmente por ele estar marcando justamente o início de uma nova etapa na minha vida em particular, vou tentar observar o processo como um todo.  Pensá-lo como um todo é sem dúvida reconhecer que o  Movimento Oasis e a Escola de Guerreiros Sem Armas tem uma enorme parcela de colaboração sobre as mudanças.

Bom o guerreiro de palavras dessa vez escreve de olho na Contagem de palavras, tentarei não ultrapassar o limite de 250 como foi pedido, rs.

Eu acreditava que não era necessário elaborar essa tarefa em separado (como estou fazendo nesse tópico) porque achei que essa etapa de auto avaliação do período do Caminho do Guerreiro estava de muitas formas no tópico anterior, mas ouvindo amigos meus aqui pretendo dar linhas finais nessas ideias para o começo de ve-las se tornando real.

Aqui no Rio está realmente havendo aqui que saborosamente gostamos de chamar pelos Oasis do mundo de Conspiração do Universo. Bem o Oasis Rocinha que como todo Elos sabe está para nascer, e o Rio apresenta uma rede fantásticas para se ver pela primeira vez cara a cara com essa metodologia. Jovens, universitários, Empreendedores Sociais, amigos pessoais, familiares e até oasianos de outras cidades e estados de olho querendo fazer parte. A igual iminência  do TEDxAmazônia que é como se sabe algo sem paralelo em termos de inovação, inspiração e sucesso, pretendo utilizar ao máximo o potencial do Rio para atrair possiveis colaborações que envolvam as ideias difundidas no TEDxAmazônia e as populações de comunidades especialmente as periféricas.

Dentro inclusive de um momento de afirmação minha dentro na universidade, com a qual estou em vias de conclusão do processo de confirmação da uma bolsa, para que eu possa continuar os estudos. E é esse o momento mais propício para atrair a universidade e as experiências vividas pelo Movimento Oasis de adaptar a metodologia para os alunosquniversitários. Sem contar as tantas outras variáveis que virão ao encontro desse movimento que iniciamos…

Como é preciso encerrar, digo apenas que me sinto acima de tudo, empoderado por tudo que esse legado que estamos vendo ser escrito diante de nossos olhos representa. Me sinto tocando pessoas de maneira sublime afim de igualmente empoderá-las…

Abraços para cada pessoa que tenha participado de alguma forma de todo esse projeto, e em todo processo de toda a história.

Obrigado por tamanha atenção, Teo.

Aqui seguem:

Enquanto a plataforma do Mais Cultura não vem… fazemos a divulgação através do facebook:

http://www.facebook.com/?ref=logo#!/group.php?gid=167607233253051

Site do TEDxAmazônia: http://www.tedxamazonia.com.br/

As Redes Sociais por Augusto de Franco, de essencial importancia para entender o que é rede.



13 – Apertem os cintos! O oasis rio já vai decolar…
agosto 11, 2010, 9:05 pm
Filed under: Uncategorized

Caríssimos tripulantes e passageiros da Nave Oasis Mãe!

Agosto se abre, e com ele novidades se encontram na doce Rio de Janeiro. Nos próximos dias irei junto com o incansável Leonardo Eloi (membro da comunidade TED Internacional) à comunidade do Vidigal fazer um primeiro Olhar, e conhecer alguns moradores e conhecidos dele que trabalham num projeto no local. Localizada ao lado do bairro do Leblon (área nobre da Zona Sul carioca), o morro apresenta uma das paisagens mais exuberantes e paradisíacas que creio uma comunidade, seja ela carente ou não, possa ter! O Vidigal tem uma vida socio-cultural bem ativa, sede do grupo Nós do Morro que leva cursos de teatro para jovens de baixa renda de comunidades excluídas não só na cidade no Rio, mas em diversos lugares do país. É reduto de moradia de muitos artistas e pessoas de origem talvez humilde, mas não de extratos tão excluídos da sociedade, mas que ali encontraram lugar para suas moradas. Enfim é um ambiente onde há uma bela possibilidade de envolver a comunidade com muita energia em potencial a ser aquecida e explorada.

Somado a isso, tenho o prazer enorme de estar em contato com duas pessoas maravilhosas. Jaílson de Souza e Silva, fundador da OSCIP Observatório de Favelas e Eliane Souza e Silva da ONG Redes de Desenvolvimento da Maré, ambas localizadas no Complexo da Maré, um aglomerado de 13 comunidades. Ambos são Fellows da Ashoka e empreendedores sociais de vasta experiencia e capacidade, o simples contato com os dois e seus projetos é uma aprendizado constante.

A possibilidade de apresentar a Metologogia Oasis abriu-nos a imediata oportunidade de realizar um Oasis na Maré. O envolvimento deles na comunidade é maior do que “apenas” por meio de seus projetos; moradores do local durante muitos anos, eles são mais do que exemplos que busco para toda vida, pessoal e profissional.

E ainda meu bom amigo Shima, está avisado de que suas luzes serão mais do que nunca convidadas a iluminar nossos caminhos por terras da megalópole tropical e manda avisar que pelo fim do mês está de volta e pro que der e vier na boa e velha Pindorama.

Juntando-se a tudo isso, não poderia ser melhor o momento para baixar por essas terras a Nave Oasis Mãe, que vem de Santos diretamente para a Rocinha (Sim, eu estou sabendo e sedento por participar no que for possível, a propósito eu moro ao lado da Rocinha). Me pergunto se haveria melhor oportunidade do que essa para unirmos esse time nos dias em que teremos a sabor de vossas presenças para selar os primeiros firmes passos do novo Oasis Rio que tá doido pra nascer. Poderia ainda apresentar aqui mais tantos outros nomes de peso e jovens que estão prester a perceber que há muito buscavam a oportunidade de participar de algo assim, mas não sabiam como, quando e onde. Energia pra se mexer nessa cidade não falta. Pedi ao Farine que me informasse do mais que puder fazer para contribuir com o Oasis da Rocinha, sei que será numa biblioteca, algo assim, num formato um pouco diferente do que aquele Mão na Massa tradicional, se é que há um formato que possa ser considerado tradicional. De uma forma ou de outra, podemos terminar esse Oasis com um novo grupo articulado aqui na cidade, e esse é minha próxima etapa em vistas a ser realizada.

Como expliquei no post anterior, cada etapa exige delicada dedicação em seus mais específicos detalhes. Na questão do contato direto com a PUC a fim de envolver a comunidade universitária, especialmente os estudantes, penso e prefiro avançar nesse sentido quando esse (por hora) pequeno grupo se encontrar, para depois, com mais propriedade se apresentar formalmente e o projeto à faculdade. Ainda que ciente das datas programadas pelo Caminho do Guerreiro II, e da atenção solicitada para as mesmas, estou seguro que não posso comprometer um projeto que venho buscando há um ano, o meio como fazê-lo e a iminência com que já se apresenta essa excelente oportunidade de consolidar uma nova Comunidade Oasis Rio nas próximas semanas. Peço atenciosas desculpas sobre esse fato, mas creio que possa de fato ser única a possibilidade de fazer o convite à PUC ou qualquer outra que seja a faculdade que desejemos envolver nesses futuros projetos.

Há tantos e incríveis grupos e coletivos que incansavelmente me dedicarei a convidar para os belos desafios por vir, que na hora certa, e breve, eles receberão o convite e farão juntos esse sonhos decolar.



fins de julho
agosto 3, 2010, 8:18 pm
Filed under: Uncategorized

Queridos amigos e queridas amigas, estou para postar aqui os acontecimentos desse final de Julho e as demais tarefas correspondentes. Estive envolvido em viagens e projetos, trabalhos que me demandaram dedicação em altas doses, mas que não por isso me fizeram distanciar do Caminho do Guerreiros e dos princípios que estamos cultivando aqui.

Fui para São Paulo participar da maior ação já feita no Brasil pela ong Um Teto Para Meu País, da qual não conhecia muito, mas pude vivenciar a experiência de me juntar a famílias de comunidades, o que sempre é um aprendizado enorme com lições incríveis de vida.

Enfim, depois desse período de 20 a 25 que estive em Osasco, retornei a São Paulo e aproveitei o lado bom que a nossa gigante cosmópolis babelizada tem a nos oferecer. Ideias, amigos, artes, encontros, reflexos e infinitas miragens que produzem tuas paisagens.

Agora de volta a Paraty, não só minha família, mas toda cidade está envolvida na preparação da Festa Literária, e no meio de tanta gente querida e de atividades interessantes tive que ir ao Rio, pra fazer a matrícula dese semestre e voltar!!! Ufa, por falar em Caminhos, descobri que eles nunca acabam, se emendam com mais outros, que se encontrão com outros além do que a vista alcança!

E minhas tarefas, que são delícadas e imensas estão por vir, em breve trarei-lhes as novidades.

Com energias renovadas, com as velhas e novas propostas pras minhas muitas estradas, caminhando sempre, ainda que Sol, ainda que sombra. Ainda que demore, ainda que pareça que não dê conta… O Guerreiro de palavras se realiza, no caminho em que se encontra!



12 – Melhorar uma comunidade
julho 16, 2010, 3:53 am
Filed under: Uncategorized

Bem, essa talvez seja uma tarefa que eu já esteja pensando há algum tempo em como fazer e já iniciei o caminho para realiza-la inclusive. Quando conheci e tive a oportunidade de participar do Movimento Oasis eu estava prestes a começar a faculdade, em meados de 2009. O aprendizado pelo qual passei naqueles dias em Santa Catarina, as transformações no meu pensamento e sentimento, a forma de enxergar os problemas do mundo e a forma de resolve-los, minha concepção de quem sou no mundo, em relação a aos meus amigos, a minha família, a minha cidade, ao meu país e a minha relação com todo o mundo e também comigo mesmo, forma repensadas, foram reavaliadas, revistas e sem dúvidas o Teo que voltou de lá era alguém completamente diferente. Alguém que buscava sua melhor versão, que entendia a diferença que faz apropriar-se de coisas simples mas absolutamente poderosas como a Comunicação Não Violenta, o Afeto, Calor Humano, a possibilidade de realizar grandes transformações sem a necessidade de organizar pessoas em hierarquias ou de depender do dinheiro para fazer um projeto se tornar verdade, e ainda, descobri o quanto de potencial há escondido (e em flagrante evidência) pelos mais remotos cantões que se possa procurar. Enfim foi uma experiência sem qualquer paralelo na minha vida. E que modificou, para muito melhor, a minha maneira de me comportar, de ser e estar no mundo, de pensar e sobre as próximas decisões que precisarei tomar.

Passado esse momento mágico e de profunda transformação e descobrimentos, entrei na faculdade. Voltei pro Rio, começei o curso de Relações Internacionais que é o curso mais concorrido na faculdade que foi considerada pelo ENADE a melhor instituição privada do país e a terceira melhor na classificação geral, algo que promove uma expectativa enorme em alguém que está dando os primeiros passos nesse novo universo, principalmente depois de tanto ter treinado seu Olha Apreciativo e perceber a força que pode ter quando um grupo de pessoas decide não mais esperar para que outros façam aquilo que deseja-se fazer e ergue as mangas para suar a camisa e por a Mão na Massa para fazer realidade transformações sonhadas coletivamente.

A excelência da universidade pode ser notada nos menores detalhes. Mas o comportamento desinteressado, sem comprometimento, sem estímulo, sem vida, sem gosto, sem força de muitos dos meus colegas, não apenas do meu curso mas no geral dos universitários, e igualmente não só da minha faculdade como de muitas outras, me inquietou de tal forma que não pude deixar de sonhar em levar até eles o que eu havia vivido recentemente no Oasis Santa Catarina. Aquela forma de unir um grupo em torno de um objetivo comum, e que para realizá-lo propunha uma metodologia que atenta para exigências humanas a fim de causar um profundo e positivo impacto nas pessoas que se permitirem experimentá~la, me instigou a levar para minha universidade o que o encantável guerreiro Shima fez quando levou a essência do que é o Oasis para os alunos univeritários de Belo Horizonte e de Santos com o Oasis Anima.

Aquele projeto ressoou desejos em mim que me motivaram a procurar alguém que representasse a universidade e que pudesse ouvir a proposta que eu trazia comigo. Consegui entrar em contato com uma pessoa da Vice-Reitoria e consegui marcar um encontro com ela. Apresentei o Movimento Oasis, a proposta, o jogo, o formato de como poderíamos adaptá-lo e aplicá-lo  fazendo meus colegas viverem suas próprias transformações pessoais a partir da experiência de viver um Oasis e de como seus próprios impulsos podem levá-los a fazer a mesma propostas para outras comunidades em quaisquer esferas de suas vidas. Ela se interessou pela proposta e gostou muito da idéia de fazer tudo isso através de um jogo. Então comentei com o Shima que estava tentando essa aproximação, acho que a forma como eles fizeram o Oasis Anima se tornar uma realidade pode ajudar e muito a levar isso para mais uma experiência de sucesso, agora em novos ares. Isso é pra mim agora não uma possibilidade, mas um desafio real ao qual proponho a mim mesmo. Levar ao conhecimento do corpo administrativo e coordenador da minha universidade o Movimento Oasis, e lançar dentro do nosso meio universitário esse desafio a mais muitas outras pessoas. Acho que seja totalmente possível esse casamento, eles se mostraram interessados e a fim de saber mais, de ter mais informações. Mas meu tempo e limite de estudante que se divide entre as aulas e a dona de casa de si próprio, além de ter que ser filho de famílias que moram distantes e amigo de amigos que vivem espalhados por essa enorme cidade e país não fazem dessa tarefa algo fácil. Ciente de que talvez seja essa uma oportunidade única, a de apresentar essa proposta para a PUC-Rio e torná-la uma palpável realidade, pois se não for uma apresentação bem preparada e bem feita, talvez esse grande Oasis corra o risco de não vir a acontecer somente por não ter sido bem esclarecido nos momentos em que isso é necessário. Assim venho devagar e aos poucos juntando os pedaços do que é de fato isso que chamamos de Oasis (tão mais complexo de se explicar do que de se viver) e juntando os “porquês” que levariam o universidade a abraçar essa idéia. Enfim, vejo essa como uma oportunidade magnífica, mas única, na qual não se pode deixar equivocar-se pelo calor do momento e cuidar para que cada passo seja dado da sua melhor maneira e no seu tempo adequado.

Não gosto de escrever esses posts tão grande, apesar de não conseguir evitar isso, por outra penso que talvez ainda faltem muitos versos para explicar o que desejo, o que imagino e o que vejo pelos caminhos a se trilhar a frente. Termino aqui por agora. Acho que hoje, é esse o meu desejo maior eleito que quero ver se tornar verdade, apesar de aqui no Rio terem se abertos várias portas para diferentes caminhos nos quais poderei plantar sementes de Oasis, o que me faria muito realizado, acho que essa seria uma forma muito significativa de concretizar isso. Espero que também esses outros aparentes caminhos venham a brotar Oasis pelo Rio de Janeiro e Mundo a fora.

De uma maneira própria e deliciosamente admirável esses outros caminhos paralelos vem conspirando a favor de construir um belo Movimento Oasis Rio, grandes empreeendedores sociais de ONG’s E OSCIP’s com históricos de sucesso na atuação em comunidades carentes e articuladores de movimentos sociais de alto impacto vem se aproximando a medida que falamos do Oasis. Como já disse fazer parte dessa indefinível e ilimitada rede me leva a lugares e a agir com uma vontade e sensibilidade tal que é incansável minha identificação com o que venho conhecendo e reconhecendo como o meu caminho. O caminho que quero pra mim, para ser meu, mas não sem ser também teu, mas não sem ser vosso, não sem ser de tal maneira que seja múltiplo e plural. De maneira que seja até irreconhecível por tamanha diversidade e que ainda assim o identifiquemos como nosso.